7 dicas de como planejar uma viagem internacional

Truques e dicas que vão ajudar você a fazer uma viagem sem imprevistos

Visitar pontos turísticos deslumbrantes, provar sabores inesquecíveis e conhecer uma cultura completamente nova – as possibilidades que uma viagem internacional é capaz de proporcionar são infinitas e valem muito a pena.

Mas para garantir que o seu passeio seja incrível do começo ao fim, é necessário ter atenção a uma série de detalhes. Afinal, o planejamento exige a emissão de documentos, organização de bagagens, roteiro, entre outras coisas.

Por isso, se você nunca visitou outro país, ou já foi, mas quer garantir que tudo saia perfeito, é só continuar lendo. A seguir estão algumas dicas imperdíveis de como planejar uma viagem internacional.

1- Escolha o destino

O primeiro passo é o que define todos os outros e por isso deve ser feito com o máximo possível de antecedência: a escolha do destino. 

Uma aventura pelos melhores parques temáticos do mundo, na Flórida, ou uma imersão em contato direto com a natureza no deserto do Atacama, no Chile? Seja qual for o seu destino dos sonhos, anote em um caderno ou documento de texto no celular. 

Com essa informação em mãos, parta para o próximo passo.

2- Defina um orçamento

Você já sabe para onde quer ir, certo? Então, é hora de descobrir o que fazer para chegar lá. Ao falar sobre como planejar uma viagem internacional, a definição do orçamento é uma das etapas fundamentais na hora de evitar imprevistos. 

Por isso, é importante ser o mais específico e próximo da realidade possível. Aqui, você deve considerar inclusive os valores para compras de perfumes importados, roupas e outros itens que pretende adquirir durante a viagem.

3- Descubra qual a documentação necessária para embarcar

A maioria dos países estrangeiros exige a apresentação de passaporte dos turistas para autorizar a entrada em seu território. No entanto, existem alguns países que dispensam essa obrigação devido a alguns acordos internacionais.

Os brasileiros especificamente têm passe livre para entrar nos países que compõem o Mercosul apresentando somente o seu documento de identificação com foto (RG). Alguns desses países são: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai, entre outros.

Além disso, há países que exigem a comprovação de que o viajante está devidamente imunizado contra algumas doenças contagiosas, como a Febre Amarela. Essa comprovação é feita por meio da emissão do CIVP - Certificado Internacional de Vacinação.

Para resumir, os documentos necessários para uma viagem internacional são:

  • Passaporte;

  • Documento de identificação com foto (RG);

  • CIVP - Certificado Internacional de Vacinação.

4- Compre as passagens

Destino escolhido, orçamento definido e documentos em mãos, é hora de escolher a data da viagem e comprar as passagens. Isso também deve ser feito com o máximo de antecedência, pois dessa forma é possível pesquisar o máximo possível a fim de encontrar os melhores preços.

Existem sites que fazem a comparação de preços de passagem disponíveis por todas as companhias aéreas, é o caso do Google Voos por exemplo. Dessa forma, é possível visualizar os dias em que elas estão mais em conta, como dias de semana e período de baixa temporada.

Aí sim, com os bilhetes em mãos é possível seguir em frente nas dicas de como planejar uma viagem internacional e chegar ainda mais perto do dia de embarque.

5- Reserve a hospedagem

Parabéns, você já está a poucos passos de ter uma viagem internacional incrível 100% planejada. Agora vamos para a hospedagem. 

Para escolher uma boa acomodação, mais do que preço, visual dos quartos e comodidades oferecidas, é preciso levar vários pontos em consideração. Veja:

  • Localização – você não vai querer perder horas preciosas da sua viagem dentro de um meio de transporte. Por isso, dê preferência para hotéis e pousadas bem localizadas, seja perto do centro da cidade ou dos melhores pontos de interesse.

  • Reputação – antes de concluir a reserva, pesquise pela reputação do hotel, pousada ou hostel na internet. O que hóspedes anteriores estão dizendo? Há muitas reclamações? Tudo isso deve ser considerado para evitar ciladas.

  • Comodidades – durante uma viagem, principalmente se estivermos falando de viagens de férias, as comodidades são importantes, pois garantem ainda mais facilidade para os hóspedes. Por isso, confira também quais as comodidades oferecidas pela companhia desejada: café da manhã, lavanderia, concierge, entre outros.

6- Compre moeda estrangeira

Você já sabe qual o meio de pagamento que vai utilizar durante a sua viagem internacional? Existem algumas formas: dinheiro em espécie, cartão pré-pago internacional, cartões de débito e crédito.

  • O dinheiro em espécie pode ser comprado por um preço mais barato, pois o IOF para esse tipo de compra é de 1,1%. No entanto, a recomendação é que esse não seja o meio de pagamento principal, pois não é muito seguro andar com grandes quantidades de cédulas na carteira em lugar nenhum do mundo. Prefira usar o dinheiro em espécie para emergências e pequenas compras.

  • O cartão pré-pago internacional é uma forma segura de levar o seu dinheiro sem ter que se preocupar com variações posteriores do câmbio. Afinal, o câmbio é congelado no momento de cada recarga.

  • Os cartões de crédito e débito do banco também são uma opção de pagamento. Mas é preciso, antes de embarcar, fazer o aviso viagem. O aviso viagem serve para informar ao banco que em determinado período você estará em território estrangeiro. Assim, as compras feitas durante a estadia no exterior não são confundidas com fraude.

7- Faça um checklist de viagem para não esquecer de nada

Por último, mas não menos importante, crie um checklist para não esquecer de nada durante o planejamento da sua viagem internacional. 

Arrumação das bagagens, prazo para emissão dos documentos e todas as etapas que antecedem o dia do embarque devem estar devidamente listados. Assim, fica mais fácil garantir que tudo corra da melhor maneira possível.

Para quem não abre mão de comprar presentes e mimos durante a viagem, o ideal é fazer um check-list dos itens que deseja adquirir. Dessa forma, você evita de esquecer o whisky prometido para o seu pai ou os chocolates favoritos dos sobrinhos.

Se você gostou das dicas de como planejar uma viagem internacional e acha que elas serão úteis, compartilhe com os amigos que estão prestes a embarcar em uma aventura além fronteira.

Publicado em: 05-02-2020