Chá e Café

por página
Filtro

6 Items

por página
Filtro

6 Items

Dicas e Inspirações

06 bebidas com café para fazer em casa

tipos de drinks com café

Veja receitas incríveis para repaginar e saborear o cafezinho de todo dia!

+ Leia mais

História do Chá: conheça tudo sobre a bebida!

história do chá pelo mundo

Saiba mais a fundo a história da segunda bebida mais consumida no mundo.

+ Leia mais

Como fazer café da forma correta? Confira!

como fazer café corretamente

Descubra quais as formas de preparo do café e aprenda com o passo a passo!

+ Leia mais

06 bebidas com café para fazer em casa

Receitas incríveis para repaginar o cafezinho de todo dia e explorar ao máximo os sabores da bebida

Você é do tipo que não resiste a um bom café? Então, chega mais que aqui há algo que muito lhe interessa.

Para explorar todos os sabores dessa incrível e apaixonante bebida, a seguir estão receitas de famosos drinks com café para você preparar em casa. Assim, você nunca mais vai ficar refém da cafeteria quando estiver a fim de provar uma receita diferente a base de café.

1. Cold Brew

Que tal um cafézinho para refrescar?

Diferente de algumas bebidas de café gelado que consistem em preparar o café normalmente para depois resfriá-lo, o Cold Brew é uma infusão do pó a frio. O resultado é uma bebida com baixo teor de amargor e maior ênfase na doçura do grão.

Como fazer Cold Brew

Para preparar o Cold Brew é preciso, antes de mais nada, investir em um equipamento específico para extração do café a frio. Aqui está a receita para o preparo usando uma frenchpress (prensa francesa):

Ingredientes para a extração a frio

  • 40 g de café moído para frenchpress
  • 400 ml de água fria

Ingredientes para o preparo da bebida

  • 100 ml de leite
  • 400 ml de café extraído a frio
  • Gelo a gosto

Modo de preparo

Adicione o pó de café e a água fria em um recipiente de vidro bem vedado e deixe descansar por um período de 10 a 15 horas. Passado esse tempo, coe a quantidade de líquido que vai usar e adicione tanto o gelo quanto o leite. Prontinho, é só servir!

2. Café cubano

A próxima receita da lista de drinks com café também é uma excelente pedida para os dias quentes. Para preparar um café cubano você vai precisar de rum, suco de limão, creme de leite fresco, hortelã e, é claro, café!

Como fazer Café Cubano

Ah, para preparar o Café Cubano você vai precisar de, além dos ingredientes, uma coqueteleira. Pois é nela que toda a mágica acontece. Dá uma olhada:

Ingredientes

  • 1 dose de rum
  • 50 ml de suco de limão
  • 1 colher (sopa) de creme de leite fresco
  • Gelo a gosto
  • 1 folha de hortelã
  • 60 ml de café expresso

Modo de preparo

Adicione em uma coqueteleira o rum, o suco de limão, o café e o gelo, agite tudo muito bem. Em seguida adicione o creme de leite fresco e decore com uma folhinha de hortelã. Pronto, é só se deliciar!

3. Irish Coffee

Que tal fazer uma viagem gastronômica e provar o seu café ao estilo Irlandês? São só 4 ingredientes – café, whisky, açúcar e creme de leite fresco batido – e o resultado fica incrível.

Como fazer Irish Coffee

Reza a lenda que o Irish Coffee foi inventado justamente para aquecer um grupo de turistas americanos que desembarcaram na Irlanda numa noite gelada lá nos anos 1940.

O que ninguém esperava era que a bebida fizesse tanto sucesso a ponto de continuar famosa nos dias de hoje. Veja a receita e prove essa delícia aí na sua casa:

Ingredientes

  • 1 dose de whisky
  • 60 ml de café (expresso ou coado)
  • Açúcar a gosto
  • Creme de leite fresco batido para completar

Modo de preparo

Misture o açúcar, o whisky e o café bem quente (pode ser expresso ou café coado) até que tudo fique bem homogêneo. Em seguida, finalize com o creme de leite fresco batido e pronto, é só se servir!

4. Café Mocha

A bebida Café Mocha é famosa por ser servida em diferentes redes de fast food e famosas franquias de cafeteria. Trata-se, basicamente, de uma variação do cappuccino que leva creme de chocolate – não é preciso dizer o quanto essa combinação é deliciosa.

Como fazer Café Mocha

Como você vai ver a seguir, o preparo do Café Mocha é simples e exige poucos passos. Contudo, é necessário deixar o café e o creme de chocolate já pré-prontos. Veja:

Ingredientes

  • 60ml de café expresso
  • 60ml de leite
  • Creme de chocolate (a gosto)
  • Espuma de leite para cappuccino para finalizar

Modo de preparo

O preparo do Café Mocha é simples, basta misturar tudo, exceto a espuma de leite. A espuma deve ser adicionada à xícara somente no momento de servir.

5. Caipirinha de café

Já imaginou unir duas grandes paixões brasileiras e transformá-las em um dos drinks com café mais inusitados que você já viu? Conheça a receita da Caipirinha de Café e surpreenda os seus convidados.

Como fazer Caipirinha de Café

Quem já tem experiência no preparo da tradicional caipirinha de limão não terá problemas na hora de preparar a versão cafeinada. Isso porque ambas as receitas são bem semelhantes. Veja só:

Ingredientes

  • 1 limão
  • Açúcar a gosto
  • Gelo a gosto
  • 50 ml de Café expresso
  • 50 ml de cachaça

Modo de preparo

Para preparar essa delícia, primeiro macere o limão com açúcar. Em seguida, acrescente uma dose de cachaça e o gelo, e finalize com a dose de café. Para caprichar no visual da caipirinha, você pode enfeitá-la com grãos de café por cima. Aí é só servir!

6. Coquetel de café

Que tal caprichar nas especiarias e transformar o seu café em um incrível coquetel que vai deixar você com água na boca só de imaginar? Esta receita de coquetel de café é sensacional, vale a pena experimentar.

Como fazer Coquetel de Café

Nem tudo que é bom precisa dar trabalho e essa receita é prova disso. Basta misturar tudo e servir – é aquele vapt vupt gourmet. Veja a lista de ingredientes e o modo de preparo:

Ingredientes

  • 1 ½ colher (sopa) de café em temperatura ambiente
  • 3 colheres (sopa) de leite
  • 2 cravos ou 15 ml de essência de gengibre
  • 1 lata de leite condensado
  • ½ xícara (chá) de conhaque
  • Calda de chocolate
  • Chantilly
  • Raspas de chocolate

Modo de preparo

Para preparar, misture o café, o leite, os cravos (ou a essência de gengibre) e o leite condensado em uma panela e deixe ferver por 5 minutos. Em seguida, acrescente o conhaque. Antes de servir, decore o copo ou taça com a calda de chocolate e finalize com o chantilly e as raspas de chocolate.

E aí, o que você achou da lista de drinks com café? Aproveite para escolher quais delas merecem fazer parte do seu dia a dia, separa a listinha de ingredientes e prepare no próximo final de semana. Bom apetite!

História do Chá: saiba tudo sobre a bebida!

Conheça mais a fundo a história da segunda bebida mais consumida no mundo

O costume de consumir infusão de ervas em água quente é mais antigo do que alguns possam imaginar.

Apesar de o Reino Unido ser o lugar do mundo conhecido pelo hábito do chazinho, devido à tradição do "Chá das 5h" que começou lá no século XIX, a história da bebida tem raízes fincadas lá no continente asiático, mais precisamente na China.

Se você é do tipo que adora bebidas quentes e quer saber mais sobre esse assunto, é só continuar lendo para embarcar nessa viagem pela história do chá.

Um acidente que deu certo

O mais antigo registro que se tem sobre a história do chá é do ano 2737 a.C. Na época, havia um imperador chinês chamado Shen Nung, conhecido por ser um homem bastante higiênico – tanto que só bebia água depois que ela estivesse devidamente fervida.

Numa ocasião, o imperador estava fazendo uma viagem com um grupo de criados e durante uma pausa para descansar, pediu água a um deles. Acontece que enquanto o criado executava o ritual de ferver a água antes de servi-la, algumas folhas secas caíram dentro do recipiente, o que conferiu a bebida um tom acastanhado.

Mas em vez de desprezar a água marrom, o imperador, que também era aspirante a cientista, ficou curioso em relação ao resultado e provou a bebida – e para surpresa de todos, Shen Nung classificou esse "acidente" como algo muito refrescante.

A conquista do posto de bebida oficial da China

Daí para frente, a infusão de folhas em água quente conquistou cada vez mais adeptos por toda a China. Para se ter uma ideia, algumas escavações arqueológicas encontraram recipientes que teriam sido utilizados para servir e consumir chá nos túmulos da dinastia Han (206 a.C.–220 d.C.).

Ainda assim, foi durante a dinastia Tang (618-906 d.C.) que o chá conquistou o posto de bebida oficial da China. A fama foi tanta que durante o século VIII foi publicado o primeiro livro dedicado à bebida – o “Ch'a Ching”, do monge budista Lu Yu.

Na obra que representou um grande marco na história do chá, o monge abordou guias de cultivo de ervas e também modos de preparo da bebida. Tanto é que o livro foi fundamental para que a China se tornasse a principal nação difusora da cultura do consumo de chá no mundo.

O chá começa a ganhar o mundo

Depois de já ter conquistado o coração do oriente, em 1650 o chá começou a viajar pelo mundo, começando pela Europa – mais especificamente, Portugal.

No país lusitano, a ideia de consumir a bebida "chegou chegando". Para se ter uma ideia, o ritual do "Chá das 5h" – que anos depois se popularizou como um costume britânico – tornou-se algo comum na vida de vários apreciadores da infusão de ervas em água quente.

Anos mais tarde, cerca de 10 anos depois, o chá pousou em terras britânicas junto com a princesa portuguesa Catarina de Bragança, futura mulher do rei Carlos 2º. Mas foi só 180 anos mais tarde que a tradição do "Chá das 5h" se enraizou na cultura inglesa, graças à duquesa de Bedford.

O ritual britânico do "Chá das 5h"

Anna Maria Russell, mais conhecida como duquesa de Bedford, foi a precursora da tradição do famoso ritual britânico do chá da tarde. A influente aristocrata, que viveu entre os anos de 1783 e 1841, costumava sentir muita fome durante a tarde – no intervalo que separava o almoço e o jantar –, então resolveu fazer uma espécie de lanchinho entre as refeições.

No cardápio do lanchinho, duquesa de Bedford incluiu uma xícara de chá com leite e sanduíches de pepino ou pães do tipo scones (uma receita tradicional escocesa) com creme de leite e conservas.

Com o passar dos dias, a duquesa passou a convidar amigos para compartilhar essa saborosa refeição junto com ela e não tardou para que o seu poder de influência fizesse com que o tal chá da tarde se tornasse um símbolo da cultura inglesa.

Países maiores consumidores de chá

Agora que você já fez um passeio pela história do chá, é hora de descobrir quais são os 10 países que mais consomem a bebida, de acordo com um ranking de 2016 do site Statista. Veja:

  • 1º Turquia
  • 2º Irlanda
  • 3º Reino Unido
  • 4º Rússia
  • 5º Marrocos
  • 6º Nova Zelândia
  • 7º Chile
  • 8º Egito
  • 9º Polônia
  • 10º Japão

Maiores produtores de chá do mundo

Vários países da lista de maiores consumidores de chá são asiáticos ou tem um pezinho no oriente. Mas será que os maiores produtores de chá também estão do outro lado do mundo?

Veja no ranking que elenca os 5 grandes produtores de ervas para o preparo da centenária bebida importada:

  • 1º China
  • 2º Índia
  • 3º Indonésia
  • 4º Kenia
  • 5º Sri Lanka

O chá preto e o chá verde, fabricados a partir da planta Camellia sinensis, são os mais consumidos de todo o mundo.

E aí, curtiu saber mais sobre a história do chá? Então, aproveite para tornar o consumo dessa bebida quente como um hábito. Afinal, além de saboroso e um ótimo acompanhamento para chocolates, biscoitos e até mesmo bebidas alcoólicas, muitos tipos de chá também oferecem propriedades benéficas à saúde.

Como fazer café da forma correta?

Conheça as diferentes formas de preparo de uma das bebidas quentes mais consumidas do mundo

Uma xícara para começar o dia com muita energia, uma após o almoço para ajudar na digestão e outra no final da tarde para espantar a preguiça. Já está mais que comprovado: o café faz parte do dia a dia do brasileiro.

E se você é um apreciador dessa que é uma das bebidas quentes mais consumidas no mundo, fique ligado. A seguir estão reunidas algumas informações essenciais para quem deseja preparar o café perfeito usando diferentes métodos, do jeito que especialistas recomendam.

Portanto, se você quer saber como fazer café, é só continuar lendo.

Formas de preparar o café

Antes de mais nada, para saber como fazer café é preciso ter em mente o tipo do preparo. Afinal, o café pode ser preparado a partir de diferentes técnicas e o resultado é único em cada uma delas. Sendo assim, o ideal é escolher a forma de preparo de acordo com o que você busca na bebida.

Veja algumas das mais populares formas de preparar o café:

Café coado

Aqui no Brasil, o café coado é, sem dúvida, o mais conhecido. Afinal, há muitos anos os nossos antepassados preparam café dessa forma – quem é que não tem em uma lembrança de infância o cheiro de café recém passado no coador, acompanhado de bolo fresquinho?

Essa técnica é talvez a mais simples, pois não demanda equipamentos de alto custo ou conhecimentos muito específicos, e consiste na infusão de pó de café (de moagem fina) em água fervente.

Ele é perfeito para tomar com alguns biscoitos,pães e doces durante o café da manhã ou tarde, um dos costumes mais comuns dos brasileiros.

Como fazer

Para fazer um bom café coado, é necessário ter um filtro (de tecido ou papel) e água fervente.

Mas antes de despejar o pó de café dentro do filtro, o ideal é escaldar com a água depois de fervida antes de passar o café, pois isso evita a transferência de resíduos de papel para a bebida.

Hario V60

O método de preparo de café criado no Japão e que só chegou ao Brasil recentemente tem conquistado cada vez mais o coração dos apreciadores de café.

Semelhante à técnica do café coado, a diferença do Hario V60 é que o método exige as ferramentas certas para um resultado impecável, como a cafeteira com ranhuras (veios) em formato cônico e espiral por toda sua extensão e o filtro específico para ela.

Como fazer

Para fazer um bom café Hario V60, é necessário ter a cafeteira e filtro especiais, desenvolvidos para o preparo desse método. O café deve ser, de preferência, composto por grãos 100% arábica moídos na hora.

Moka (Cafeteira italiana)

Café forte é a sua praia? Então, esqueça as formas anteriores de como fazer café, pois em ambos os casos o resultado é uma bebida mais suave e menos amarga, e foque no método Moka, vulgo cafeteira italiana.

Para preparar um café forte, capaz de deixar qualquer um disposto, o método Moka exige o investimento em uma cafeteira italiana, cujo preço pode variar entre R$60 a R$599, e pó de café moído médio/grosso.

Como fazer

Para fazer um bom café Moka, adicione o pó no dispenser, em seguida a água e leve ao fogo. Assim que a cafeteira apitar, é hora de desligar o fogo. Lembre-se que a água quente de mais pode queimar o café e o resultado será uma bebida com amargor em excesso.

Aeropress

Por último, mas não menos importante, há o método feito na Aeropress, uma das formas de como fazer café também bastante cotadas por apreciadores dessa bebida quente. Isso porque, segundo especialistas, o café extraído desse equipamento preserva o equilíbrio dos óleos essenciais e açúcares naturais dos grãos.

Outra grande vantagem é que a cafeteira também evita a extração de cafeína em excesso, o que confere outro ponto positivo ao Aeropress. Vale lembrar que esse equipamento custa, em média, R$270.

Como fazer

Para fazer um bom café no Aeropress, misture o café moído com a água quente (fervida) e empurre o êmbolo até que o café passe pelo filtro disposto na base.

Dicas para o café perfeito

Agora que você conhece os 4 principais métodos de preparo da bebida, é hora de conhecer algumas dicas simples para preparar o seu café perfeito em qualquer um deles:

  • Escolha grãos de qualidade, sejam eles grãos de café importados ou nacionais;
  • Use sempre água filtrada para preparar o seu café;
  • Fique de olho na proporção de café para a quantidade de água que será utilizada, para isso siga as orientações do fabricante.

Beleza, depois de descobrir tudo isso sobre o café, só falta agora escolher um dia da semana para reunir os amigos e preparar um cafezinho incrível para servir para eles, concorda?!

Escolha acompanhamentos como um chocolate importado, um bolo fofinho ou até mesmo a boa e velha torrada para deixar o encontro ainda mais agradável.

Afinal, ninguém resiste a uma xícara de um café fresco e bem preparado.