Mitos e verdades sobre o chocolate. Será que ele traz mesmo a felicidade?

Chocolate engorda? Descubra estes e outros mitos.

Como resistir a esse alimento dos deuses? Por muitos anos, acreditou-se que o chocolate seria um vilão para a saúde, responsável pelo aumento de peso, pelas cáries e tudo mais, mas sem prova alguma.

Por isso, esse artigo é para você que é chocólatra e sempre quis fatos comprovados cientificamente sobre os benefícios desse alimento, para ficar feliz e fazer as pazes com sua sobremesa favorita. Pode se deliciar com uma barrinha enquanto lê, viu?

Chocolate dá espinha?

Ó, dúvida cruel! Quantas vezes você já ouviu sua mãe ou avó falando que consumir chocolate provoca espinhas, mas nunca teve certeza se era verdade ou mentira? Seus problemas acabaram, pois não se sabe exatamente quando e onde essa história nasceu, mas o fato é que ela é falsa!

Existem estudos desde os anos 60 tentando encontrar a relação entre a acne e o chocolate, mas nenhum foi conclusivo. E por que essa inverdade continua circulando por aí? Talvez pelo fato das pesquisas não trazerem as evidências necessárias para se chegar a uma conclusão! Com isso, claro que sempre fica aquela pulga atrás da orelha. Mas até que se prove o contrário, vamos considerar que está tudo liberado, combinado?

Chocolate faz o coração bater mais forte?

É verdade sim, viu? Uma pesquisa feita pela Universidade de Sussex, no Reino Unido, mostrou que, enquanto alguns voluntários se deliciavam com o doce, os batimentos cardíacos aumentaram, saindo de 60 para 140 batidas por minuto! Uau!

Nessa mesma pesquisa, foram observadas a frequência cardíaca e a atividade cerebral de casais enquanto se beijavam, comparando-as com o momento em que consumiram a sobremesa. Adivinha só qual foi o resultado? Todas as regiões do cérebro receberam impulsos muito mais estimulantes durante o consumo do alimento do que durante o beijo.

Aparentemente comer chocolate estimula mais o coração e a mente do que beijar. Ou seja, quem precisa de crush quando se tem a Páscoa chegando, não é mesmo?

Quer dizer que o chocolate pode ser ruim para hipertensos?

Não, pelo contrário! Numa pesquisa feita pelo Doutor Luc Djoussé, da Harvard Medical School, é possível concluir que, na verdade, o chocolate traz efeitos positivos na pressão arterial.

Durante a observação para o estudo mencionado, foi constatado uma queda na pressão entre os participantes da pesquisa que mais comiam chocolate amargo.

E esse resultado ficou ainda mais visível entre os que tinham hipertensão. Bem interessante!

Chocolate engorda: verdade ou mentira?

Chocólatras, essa é para ter atenção. Não é exatamente o chocolate que engorda, mas sim, consumi-lo em grandes quantidades. Aliás, qualquer alimento ingerido em excesso não faz bem, certo? O que acontece é que os componentes utilizados para produzir o alimento, como açúcares, gorduras, são os responsáveis pelo aumento das calorias.

Porém, uma pesquisa do National Institutes of Health, nos Estado Unidos, observou algumas pessoas e identificou que as que consumiam chocolate todos os dias, mas em pequenas quantidades, tinham o IMC menor do que os que comiam o alimento com menos frequência. Dieta chocólatra: pode?!

As ligações entre o chocolate e o prêmio Nobel

Mas hein, como é isso? Bom, ao que tudo indica,parece que existe uma relação sim. Um estudo da revista New England Journal of Medicine sugere que países que consomem mais chocolate são os que possuem o maior número de ganhadores do Prêmio Nobel.

O autor do estudo, Franz H. Messerli, revelou que a Suécia é uma das campeãs mundiais no consumo do alimento, chegando a 6,4 kg por ano e também é líder em prêmios, com 32 laureados. Já países como o Brasil e a China ficam na outra ponta, entre as últimas colocações, com nenhum prêmio e baixa ingestão do produto.

A mesma investigação traz uma informação importantíssima para os países que desejam ganhar um Nobel: cada cidadão deve consumir em torno de 400g de chocolate ao ano. Parece uma excelente justificativa para se acabar nessas delícias. Alguém aí a fim de um prêmio?

Quem tem diabetes não pode comer chocolate, certo?

Errado! De acordo com o site da Sociedade Brasileira de Diabetes, os portadores da doença podem consumir doces e chocolates sim, desde que seja em pequenas porções e seguindo uma dieta cuidadosa, além da prática de exercícios físicos.

Mas vale o alerta: todos os estudos foram feitos com a versão amarga, ou seja, aquele com mais cacau que os demais. Os chocolates brancos e os ao leite não são recomendados pois contêm muito açúcar e gordura.

Chocolate deixa as pessoas mais bem humoradas?

Além de ser uma delícia, o produto influencia no nosso organismo de maneira positiva e isso está relacionado aos componentes do cacau, como a feniletilamina e o triptofano. Não se preocupe, não vamos nos aprofundar e transformar o texto numa aula de química.

A única coisa que você precisa saber é que esses elementos estimulam a produção de serotonina e endorfina, que provocam uma sensação de bem estar e felicidade no organismo. Entendeu agora por que você não consegue parar de comer esse doce tão maravilhoso?

Viu só? Apreciando com moderação, só há vantagens! Chocolate faz bem à saúde e pode te deixar mais feliz

Já escolheu o sabor da sua viagem? Não se esqueça de levar as delícias que você só encontra no Duty Free como uma lembrança de viagem para amigos e familiares. Com nosso serviço de reserva você garante os produtos antes mesmo de decolar, e retirar no embarque ou no desembarque, economizando tempo, espaço na mala e o mais importante trazendo felicidade de sua viagem.

Depois de experimentar os produtos não esqueça de avaliar as que mais gostou no site e lembre-se de compartilhar sua visita à nossa loja nas redes sociais utilizando a hashtag #EuAmoDutyFree!